sexta-feira, 30 de julho de 2010

CRISTIANISMO A Religião do Homem

Autor: Mário Ferreira do Santos
Assunto: Filosofia
Editora: Edusc
Edição: 1ª
Ano: 2003
Páginas: 138

Sinopse: Mário Ferreira dos Santos, Filósofo humanizante, buscou reconciliar a Filosofia com a religião cristã, representando Cristo como o Bem Verdadeiro.

“Cristianismo não é uma religião cultural, porque não depende de uma cultura determinada; não é uma religião racial, porque não depende de qualquer raça; não é uma religião de casta, de estamento, de classe, porque não depende de nenhum deles. O Cristianismo é a religião do homem concreto, do homem tomado em sua totalidade, e por isso independe inclusive do tempo”.

Neste Cristianismo: a religião do homem, desenvolve uma Axioantropologia fundada na melhor Filosofia clássica e tomista, ao descrever os Homens diversos das pedras, das plantas e dos animais (§ 10), como obras de nós mesmos (§ 21), pois temos uma oréxis (§ 29) que nos impele ao Supremo Bem (§ 33), oréxis que é um dever-ser com direitos e obrigações (§ 50), implica em Justiça (§ 54), valores humanos (§ 58), Ética e Moral (§ 60), fundados em virtudes cardeais (§ 76), e cultivo das virtudes como dever-ser ético do Homem (§ 80).

Destas premissas retira o saudoso Mestre as conclusões do título: a partir da miséria humana encontrará o Homem sua salvação (§ 97 ss), pois guarda em si a trindade da Vontade, Inteligência e Amor (§ 104), que lhe permite religar-se a Deus, pois “esta é a vossa religião, porque ela está em vós” (§ 120), concluindo com palavras de Cristo, “eu sou o ápice da pirâmide” (§ 135).
Sobre a Ética e a Moral: "A Ética estuda o dever-ser humano, a Moral descreve e prescreve como se deve agir para realizar este dever-ser. A Moral é variante, mas a Ética é invariante. Podem os homens, mal assistidos pela intelectalidade, errarem quanto à eticidade de um ato e estabelecer um costume (moral) que nem sempre é conveniente ou é exagerado. Podem errar, porque o homem pode errar, mas se der ele o melhor de sua atenção à Ética, ele não errará e poderia evitar os erros da Moral" (Mário Ferreira dos Santos)

Dos últimos escritos do ilustre Filósofo paulista, Cristianismo expressa a síntese de seu filosofar clássico, com fortes traços teológicos, ao estilo tomista de apresentação de teses ou proposições enlaçando Razão e Fé.

4 comentários:

Adalberto Queiroz disse...

Olá, ANATOLI.
Parabéns pelo post.
EU sou um Bernanosiano entusiasmado. Como você poderá comprovar em meu blog, que tomo a liberdade de informar abaixo:
http://betoqueiroz.com
Fraternellement,
Beto.

Anatoli. disse...

Prezado Adalberto:
Obrigado pelo apoio a este modesto blog.
Georges Bernanos, este fantástico escritor que residiu no Brasil, mas que poucos brasileiros sabem, tem duas obras postadas neste blog:
A primeira, "O Diário de um Pároco de Aldeia", postado em 20-7-2009 e "Sob o Sol de Satã" postado em 13-8-2010.
Será um prazer visitar o seu blog para abeberar-me em fonte cristalina. Que Deus o proteja.

António da Cunha Duarte Justo disse...

Um "Homem Bom"!
Gostei mesmo de tudo.
Parabéns.
Quem aposta no Brasil de hoje está a transformar o mundo de amanhã!
Também eu procuro empenhar-me na realização e descoberta do cristianismo!"

Marcos Tadeu Cardoso de jesus ou Marks Tadeu disse...

Tem um livro do autor Marcos Tadeu Cardoso intitulado de A VERDADEIRA FACE DOS LIDERES RELIGIOSOS, ele fala e desmascara o Bispo Edir Macedo e profeta William M. Branham. O autor desmascara e fala da corrupção e da manipulação dos fiéis, ele está disponibilizado gratuitamente no 4shared.
O web site dele é
http://www.marcostadeucardoso.blogspot.com